Estação de São Vicente de Minas

A Estação Ferroviária de São Vicente de Minas data de 1912 e pertencia à Estrada de Ferro Oeste Minas. É, como as demais, ícone do desenvolvimento urbano e econômico da cidade no início do século XX. Hoje, desativado o trem de passageiros, é um exemplar da arquitetura ferroviária do antigo distrito
de São Vicente Ferrer, que, posteriormente, tornou-se o município de São Vicente de Minas.
O imóvel encontrava-se abandonado e em mau estado de conservação, o que motivou o acordo com o citado Município, IPHAN e SPU, com anuência do DNIT, visando à restauração do bem e sua destinação para fins socioculturais.
No ano de 2012 as obras foram concluídas e a edificação passou a abrigar o Museu do Queijo, mas também é local para realização de eventos culturais (sarais, serestas, lançamento de livros), objetivando a proximidade maior da população com a história ferroviária e o vínculo afetivo com o exemplar arquitetônico da época em que pessoas embarcavam e desembarcavam
naquela estação.